07 abril, 2014

Sensações

A vibe boa da corrida

Se eu soubesse que teria apenas um dia na semana para correr, sem êxito, escolheria praticar no sul da ilha. O Pântano do Sul é e sempre será meu quintal de casa. São poucos lugares que eu me sinto em completa harmonia com ambiente. O cheiro de mato, do café sendo coado na casa ao lado e o canto do galo me fazem viajar.

Foi até engraçado. Quando calcei o tênis para correr ainda eram 16 horas. Geralmente costumo correr a partir das 18 horas, pois fujo do sol e do calor. O longão prometia ser sofrido, naqueles 32 graus. No entanto, o dia de treino me rendeu muitas sensações.  

Logo no primeiro quilômetro encontrei gente conhecida e recebi aquele abano universal de siga firme. Depois passei por uma fazendinha onde a família fazia o corte de um gado de sua propriedade. Ver este tipo de trabalho lembra a família da minha mãe, que até hoje tem esse ofício. No terceiro quilômetro tinha o famoso futebol de várzea. A turma com seus uniformes e coletes de identificação. Toda aquela agitação e alegria. Em seguida, passei por uma família reunida na varanda de casa tomando um chimarrão e jogando conversa fora.

Encontrei mais gente se exercitando. E por si só já me deixa feliz, mas estavam em família. O que sempre acho mais legal. Adoro ver os pais em harmonia com os filhos, carregando as bicicletas nos carros e todas aquelas tranqueiras da gurizada. Final de semana é pra isso mesmo. 

Meu circuito foi bate e volta e assim tive o privilégio de sentir tudo isso em dobro. Quando cheguei em casa e vi toda minha família reunida (pais, irmãos, marido e sobrinhos), agradeci por ter tamanha felicidade comigo. Treinos assim valem ouro. Trocaria na boa, todos os dias de semana por um sábado desse.

Pico-pico: correr no sul da ilha é chegar em casa
e ver que o lugar está colado em você.

Um abraço e excelente semana pra todos vocês!

25 comentários:

  1. Oi Helena,
    Que delícia de texto, que delícia de treino..
    Coisa boa quando a gente acaba um treino pedindo biss, desejo muitos sábados como esse pra vc se deliciar sempre!
    Beijão

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Simone, lindona!
      Tu ias amar correr aqui. Sei que já corresse no Morro das Pedras e lá tem todo charme do sul da ilha também. Podemos combinar algo. Adoraria!
      beijão

      Excluir
    2. Oi Amiga, poxa, seria tão demais, né?
      Quem sabe um dia marcamos, adoraria também, mas to com medo de correr com vc, acho que não te acompanho mais kk Uhhull, sucesso pra vc lindona!!

      Excluir
    3. kkkk Tu és uma inspiração de corredora pra mim. Acho que eu é que nunca vou acompanhar o seu ritmo. Linda!!!

      Excluir
  2. Que emoção esse relato Helena.
    Muito legal essa sensação de carinho e amizade por onde passa. E mais legal é ver a sua gratidão por isso.
    Sucesso amiga e muitos kms assim, felizes.
    Muito obrigado pelo apoio e palavras de incentivo!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Luiz, o legal da corrida é sentir o prazer que ela proporciona. Treinos assim são inspiradores mesmo. Desejo kms de alegria pra ti também.
      abraço e good vibes!!

      Excluir
  3. Dani - Curitiba08 abril, 2014

    D e l i c i a !!! A corrida cola em em vc, a gente se cola nela... sensação de plenitude master!! Não tem mais como pensarmos que isso não faria parte da nossa vida, né? Correr abre nossa mente, coração...expande nossos círculo de amizades e nos faz ver a vida de um outro ângulo. Nesse sábado, por coincidência tb mergulhei numa sensação legal: determinado momento me peguei pensando: olha onde eu cheguei!? Fiz uma linha do tempo desde meu nascimento até aquele momento. De fato, correr faz a gente nos conhecer melhor. É ali envolto ao nosso ambiente (que tb era meu quintal) que nossa alma é exposta. Iiihhh.... virou filosofia...rsrs Mas corrida tb é filosofar..hehe
    Bjo grande querida amiga :)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. oi oi .. olha eu aqui... agora apareço... rsrs
      oh eu fazendo bagunça no blog da minha amiga :D

      Excluir
    2. kkkk Dani, adoro sua bagunça.
      Aliás, o blog é assim. Respira alegria e descontração. Adorei sua filosofia, ou melhor, seu treino do fim de semana também. Coisa boa correr leve, fácil. Adorei! bjos

      Excluir
  4. Helena, morei muito tempo no mato, mas nunca dei tanta bola pra isso tudo. Quando só vemos asfalto e poluição começamos a sentir mais falta disso e ai agora quando vou pra Laguna ver minha família fico que nem pinto no lixo, querendo conhecer lugares as vezes próximo mas que nunca me dei o trabalho de ir conhecer de bike ou correndo.
    É bom ter um canto assim em Floripa, perto da cidade ao mesmo tempo no campo.

    Bons treinos e bom descanso.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Fábio, acho que faz parte de um processo de amadurecimento. A gente valoriza muito quando perde. Ás vezes, ainda conseguimos recuperar (o que é muito bom). O ideal é viver com intensidade e aproveitar as pequenas coisas da vida. A vida é um sopro... ;)
      abraço e bons treinos!

      Excluir
  5. testando pra ver se meus comts agora aparecem minha cara... acho tão chic isso...rsrs

    ResponderExcluir
  6. Esse é o ouro que tem que ser garimpado! Pequenos prazeres, família, amigos, treino, vida simples...
    Demais o post!!
    Bjj t amp

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Amo ser simples e aprendi muito contigo. Obrigada por existir pra mim. Tu és o meu tesouro! love u

      Excluir
  7. Que post lindo!!! Mas aaaai, mais lindo ainda é o coração e o amor de vocês dois. *.* :) ♡

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Isa Querida, moras em meu coração já. <3

      Excluir
  8. Sempre gostei do "mato" apesar de não ter morado nele. Floripa ainda tem lugares que vamos e parece que estamos no interior mesmo! Muito legal!
    Abração e bons treinos!
    Milton - www.vintesemanas.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Milton, eu acho simplesmente demais ver pastos em pleno bairro 'urbano' na ilha. Aqui é tudo muito bucólico e pastoril. Amo cada cantinho desse. Se precisar de dicas, me avise.
      abração

      Excluir
  9. Helena,

    Nesta postagem você arrasou. Fico constrangido em tentar comentar. Já sei, vou plagiar e terminar meu comentário com a frase que você colocou na imagem: "Se a gente espalhar coisas boas por onde passar, a vida se encarrega de trazer outras melhores ainda." É assim que me sinto após ler a sua poesia. Parabéns!!!

    Dionísio Silvestre
    http://correrpurapaixao.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada, Dionísio.
      Pelo gesto e as gentis palavras. Que esta poesia te acompanhe em todos seus kms. abraço e boas corridas!

      Excluir
  10. Que delicia de leitura! Simplismente amei

    ResponderExcluir
  11. Aiiii Polly, que bom. A intenção era erradiar todos vocês com turbilhão de felicidade que senti, Fico muito contente!! beijos e bons km's!!

    ResponderExcluir
  12. Que blog maravilhoso esse que eu descobri, vou passar a ler sempre! Comecei a correr há pouco tempo e qualquer dica eh bem vinda rs rs bjoos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Débora.
      Seja super bem-vinda. Obrigada pela gentileza!!
      Fico feliz quando ganho mais uma amiga corredora. Volte sempre. Vamos trocar figurinhas!!!
      super beijo e bons km's!!!

      Excluir

Obrigada por visitar o Blog Correndo de bem com a vida!
A participação de vocês é o principal incentivo para continuar escrevendo.
Sempre respondo os comentários. Volte aqui depois e veja sua resposta. =]

Um Abraço e bons treinos.
Helena Clebsch Vidal

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...